Relevância acadêmico-social

O VI SENAFE e II SEINFE – Seminário Nacional e Internacional de Filosofia e Educação- Confluências pretende, concomitantemente em âmbito nacional e internacional, repensar a educação a partir do debate sobre a constituição ética do presente. O evento tem em vista a necessidade de propor um modelo de formação sensível aos riscos da barbárie, inerente ao processo civilizatório,e atento também à dor do outro, convertida em fenômeno coletivo por conta de catástrofes sociais. Para tanto, consiste em aporte teórico especialmente a literatura de Agamben, Foucault,Mattéi, Sontag, Kertész, Adorno,Benjamin e Arendt, para tecercruzamentos entre as noções de violência, biopolítica, ética e educação. A partir do confronto com o legado teórico acumulado sobre o tema, pretende-se discutir em tempos pós-traumáticos, como a política, ao invés da propalada emancipação, recebeu uma assinatura biopolítica, e como essa transição na modernidade pode ser pensada na relação entre Filosofia e Educação, mais especificamente as relações existentes entre a biopolítica, a barbárie e a formação humana.

Do ponto de vista acadêmico, o evento pretende consolidar um conjunto de ações existentes entre os pesquisadores (conferencistas e palestrantes) e o público envolvidos, resultando, sobretudo, em publicações coletivas, no fortalecimento dos Grupos de Pesquisa e no intercâmbio intelectual em âmbito nacional e internacional. O evento também oportunizará aos alunos o contato com pesquisadores que tratam de problemas que se situam na relação entre Filosofia e Educação, espaço para divulgação de sua própria produção, além de oferecer subsídios à elaboração de seus trabalhos monográficos, de dissertações e teses. Soma-se a isso com a possibilidade de intercâmbio de saberes e experiências entre estudantes de IES nacionais e de outros países.

Do ponto de vista social e pedagógico, o evento busca desencadear um reforço das relações da universidade com as redes públicas de ensino da região, pois há um significativo número de projetos de pesquisa e de extensão vinculados às escolas, congregando em torno desi pesquisadores, professores da educação básica e alunos bolsistas e estagiários. Os sujeitos envolvidos nestes projetos educacionais e investigativos têm o seminário como um espaço de excelência de divulgação e interlocução de seus trabalhos, experiências e pesquisas.

Esta dinâmica de discussão oferece um momento de reflexão fundamental para os professores em atuação que, ao voltarem à escola, redimensionam reflexivamente os rumos dos projetos,de suas práticas e posturas pedagógicas. Esses efeitos se tornam cada vez mais evidentes, dado o número de escolas que vem requerendo convênio com os projetos, bem como o número significativo de professores oriundos da escola pública inscritos nos eventos e nos programas de pós-graduação. As avaliações e os relatórios finais dos projetos têm revelado a satisfação dos professores em participar do seminário como uma oportunidade de manterem-se atualizados frente aos desafios suscitados pelos seus trabalhos cotidianos junto aos alunos. É preciso destacar que esse feedback positivo em relação a participação dos professores da rede escolar de educação básica se deve principalmente pelo projeto do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID/ UFSM, relativo ao ensino de filosofia nas escolas de ensino médio de Santa Maria.

Do ponto de vista institucional, no caso específico do PPGs envolvidos – Programa de Pós-Graduação em Educação e o Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal de Santa Maria – RS/Brasil, trata-se de fortalecer com o evento, além dos vínculos já firmados entre a UFSM com a UPF, UCS, UNOESC, PUC-Campinas, UERJ, UNIJUÍ, IFFar, UAM, UC3M, a possibilidade de solidificar e/ou firmar novos convênios e parcerias com a Universidad Nacional del Centro dela Provincia de Buenos Aires (UNICEN) e coma Universidad Pedagógica Nacional (UPN, Bogotá, Colômbia), nas áreas de Filosofia e Educação, visando executar um conjunto de ações de ensino e pesquisa no âmbito da graduação e da pós-graduação.

O VI SENAFE e II SEINFE representam assim a possibilidade de troca de conhecimento e enriquecimento de saberes, no diálogo mais próximo e profícuo com os conferencistas,palestrantes e demais participantes.